Os Quatro Anjos do Apocalipse

os quatro anjos

Estes quatro anjos são do Gênesis (Bíblia e histórias com escrita grega), é como se fosse uma hierarquia sendo um mais poderoso que o outro, eles sai (surge) do Rio Eufrates e tem por missão acompanhar um exército enorme de duzentos (200) milhões de homens que entraram em ação no alto Oriente Médio; estes homens são iraquianos, sírios, libaneses e indo.

E tocou o sexto anjo a sua trombeta, e ouvi uma voz que vinha das quatro pontas do altar de ouro, que estava diante de Deus,
A qual dizia ao sexto anjo, que tinha a trombeta: Solta os quatro anjos, que estão presos junto ao grande rio Eufrates.
E foram soltos os quatro anjos, que estavam preparados para a hora, e dia, e mês, e ano, a fim de matarem a terça parte dos homens.
E o número dos exércitos dos cavaleiros era de duzentos milhões; e ouvi o número deles.

Apocalipse 9:13-16


O papel principal destes anjos é combater contra os Cavaleiros do Apocalipse e mais ainda, depois da saga de Abadom estes Quatro Anjos iram lutar e vencer os Quatro Carros e Cavaleiros (Michonit, Avir) dos Livros semitas e hebreu descrito por Zacarias.
Zacarias 6:1-8

Anúncios
Os Quatro Anjos do Apocalipse

Abadom – Apoliom

abadon apolion

E o quinto anjo tocou a sua trombeta, e vi uma estrela (anjo) que do céu caiu na terra; e foi-lhe dada a chave do poço do *abismo. Apocalipse 9:1

E tinham sobre si um rei, o anjo do abismo; em hebreu era o seu nome Abadom, e em grego ApoliomApocalipse 9:11

São dois anjos que foram destinados ao mundo dos mortos (mundo inferior) e que tem controle sobre espécies de demônios que parecem gafanhotos e figuram alguns tipos de povos; um é o destruidor de “deuses” (“elohim”) outro é destruidor de titãs; um representa o antigo testamento e outro o novo testamento, estes dois se unem chamando-se de o anjo do abismo ou apocalipse, o destino final e a destruição.

O inferno está nu perante ele, e não há coberta para abadom.
Jó 26:6

* é um lugar no inferno que também esta descrito no Gênesis 1.2.

Abadom – Apoliom

Miguel o Arcanjo CHAOS COMICS . . .

Michael Chaos Comics 1

Pela Editora ele é chamado de Michael ( que do hebraico é Mikhael = Idêntico à DEUS), ele é o MAIOR dos ARCanjos (Anjos Guerreiros) e um dos Príncipes, nesta História ele luta pela causa dos Céus.

Michael Chaos Comics 2

Aparece também a figura de DEUS questionando uma pessoa chamada Lady Death, uma deusa poderosa que se apresenta como uma anti-heroína.

michael lady death chaos comics

Miguel é apaixonado por ela e esta disposto a ama-lá independente das futuras conseqüências na Criação.

michael xmen chaos comics

Em um certo período Miguel apareceu entre os filhos de Deus no Éden Vegetal como um X-Men (Um “Homem” que tem uma genética desconhecida para transferir para seus futuros filhos) com o objetivo que ele se tornassem Anjos Heróis.

Michael Demiurgos DCVertigo

Pela #DC/Vertigo ele aparece com uma outra História:

Quando o Deus da Aliança iniciou a Sua criação do Universo, formou dois seres poderosos para cumprir os seus desejos: um foi o arcanjo Miguel, que recebeu o demiúrgico (tendo “uma força criativa autônoma ou poder decisivo” [1] ) poder para habilitar a criação física do cosmos para ocorrer (momento do Big Bang). O outro foi o arcanjo Samael (Lucifer) que infundiu essa criação com energia e vida (às vezes chamado Sunmaker, ou Lightbringer). Michael e Samael são ditos ser gêmeos e os primeiros seres criados por Deus (embora muitas vezes implique que Samael é o irmão mais velho). O nome de Deus está escrito em cada átomo da criação pelo poder de Michael e a vontade de Samael: isso forma uma parte central da série mais tarde.

Quando o Arcanjo Lucifer Morningstar começou a sua revolta no Céu, ele estava irremediavelmente superado em número. Ele finalmente foi derrotado por seu irmão, o Arcanjo Miguel, que usou o Demiurgos (o poder de Deus) para destruir suas forças angélicas. No entanto, durante as consequências do ataque, um anjo caído chamado Sandalphon empurrou sua lança para as costas de Michael e o levou cativo a uma realidade de bolso. Ali, Michael estava acorrentado a um pilar muito grande (sua forma física no momento era muito grande), enquanto Sandalphon tentava criar uma nova geração de anjos guerreiros. Todos os anjos são estéril e, portanto, seus números não são facilmente repovoados. Usando o demiurgo de Michael para impregnar as mulheres humanas e, depois, gerar os fetos dentro do próprio Michael, ele produziu milhares de falhas antes de criar Elaine Belloc com seus 300 óvulos viáveis. Assim como ele tentou reivindicar Elaine, no entanto, Lucifer entrou.

Derrotando facilmente o anjo covarde e caído Sandalphon, Lucifer levou Michael – que nunca animou animosidade em relação a seu irmão – e o usou como um meio para acabar com o assalto em andamento do Host Celestial contra sua casa. Lucifer tinha obtido uma Carta de Passagem fora da Criação devido a um arranjo anterior com o Céu. A porta subsequente tinha sido destinada a ser unidirecional e uma única vez, mas Lucifer a abriu com YHWH , o próprio nome de Deus. Para destruir a porta seria desarmar a Criação.

Incapaz de permitir isso, o anfitrião celestial tinha sitiado a casa de Lúcifer em sua ausência. Chegando com Michael, o anfitrião foi instantaneamente derrotado: se Lúcifer matasse Michael, o poder Demiurgico lavaria a Criação, limpando-a de toda a vida. O anfitrião recuou. Michael, no entanto, permaneceu sofrendo e aguardando a morte prometida por seu irmão Lucifer. O Michael machucado foi levado pelo portão de Lúcifer para o Nihilo (nada), onde Lúcifer empurrou uma espada para dentro dele e liberou o poder demiúrgico dentro de Michael, criando seu próprio cosmos. Tendo adquirido o poder Demiurgico sobre o novo Cosmos, Lucifer reconstituiu o arcanjo Miguel após o evento, mas Michael recusou a oferta de Lúcifer para ficar ao seu lado. Este é um tema em todo o quadrinhos, pois o arcanjo Miguel sempre oferece uma forma de parceria com seu irmão Lucifer, mas muitas vezes se recusa.

Michael é visto como paciente e gentil, mas não com alguém que vai ficar de pé e assistir injustiça e maldade. Inicialmente, ele é teimoso ao seguir a vontade de Deus, mas depois começa a ter dúvidas (exacerbadas pelas revelações enigmáticas de seu irmão Lucifer de tempos em tempos). Tendo sido ejetado do céu por questionar a sabedoria de Deus para ordenar a morte de sua filha, Elaine Belloc, ele viaja sozinho ou com o Querub Gaudium.

A filha meio humana / anjo de Michael, Elaine Belloc, desempenha um papel mais proeminente na continuação da série Lucifer . Inicialmente guardado em seus sentimentos por ela, Michael começa a sentir carinho e amor genuínos, o que é agravado quando Lúcifer, depois de ter sido ferido fatalmente pelos Basanos, é regenerado pela morte / sacrifício de Elaine.

Os eventos tomam uma volta muito séria após o problema 50 quando Fenris, o lobo, tenta destruir o World Tree Yggdrasil e perturbar o equilíbrio de toda a Criação. Tendo ferido muito mal em sua luta contra o Arcanjo Lucifer (agindo contra sua própria vontade), Michael diz ao agora resgatado Elaine que ele a ama e deseja que ele a conhecesse melhor, dizendo que ela deve ser detentora do poder Demiurgos antes que ele possa ser morto.

Michael é um dos dois únicos anjos que Lucifer tem respeito (o outro sendo Duma ) e é visto como o outro lado da moeda para Lucifer. O próprio Morningstar diz que cada um tem o que o outro não tem. Ele é alto com cabelos loiros muito longos e tem duas asas brancas, e ele é muito poderoso quando se moveu para a ira. Ao contrário de Lúcifer, ele não usará criaturas como peões em algum tabuleiro de xadrez e, portanto, tem a humanidade que Lucifer às vezes parece não ter.

Na morte deles, os dois irmãos compartilham o perdão e ele passa. Michael não estava perto de sua filha e um de seus últimos atos é lamentar não ter estado lá por ela. Após sua morte, Elaine é capaz de absorver o poder e é colocado por Yahweh no caminho para se tornar o novo governante da criação.

O poder de Michael é conhecido por apenas ser acompanhado por seu irmão Lucifer e superado apenas por Deus. Seu maior poder é o poder Demiurgico que permite a criação do nada que está contido nele. Empregando-o, Michael conseguiu derrotar seu irmão Lucifer e expulsá-lo do céu após sua rebelião. A única limitação desse poder é que Michael não tem a capacidade de dar a forma de poder, impedindo-o de criar. Ele precisa do poder de seu irmão, o Arcanjo Lucifer para fazer isso.

Como todos os Archangels, Michael é imortal e possui super-força, super velocidade, invulnerabilidade, choro sonoro, vôo, sangue ácido, telepatia e poder para falar com animais.

arcangel michael comic original

Aqui esta a primeira aparição de Miguel em um COMIC.

Pela Bíblia ele há de Ressuscitar os mortos e julgar o MUNDO no Ultimo Dia (Fim do Tempo) referido em Daniel 12.

 

Miguel o Arcanjo CHAOS COMICS . . .

Noé image COMICS

noah image comics

Ou Noah (Noak) foi o décimo (10 ª) na Genealogia de Adão (Seth) que começou sua História de Gênesis 5 até 10, ele foi Neto do homem mais vivido na Terra, Matusalém.

Ele foi o primeiro humano a receber a Graça de Deus e como presente construiu uma Arca (Barco) para continuar com sua espécie e dos animais no Novo Éden; neste exemplar (Issue) ele enfrenta Gigantes em combate para proteger sua família e é claro com a ajuda de Anjos (filhos de Deus).

Depois destes eventos o planeta todo descansou como se fosse um tipo de Milênio.

Noé image COMICS

Ezequiel 37 o Vale de ossos secos

o-vale-de-ossos-secos

Nesta incrível visão profética de Ezequiel ele vê o futuro, o que esta para vir.

Trata-se de vários israelitas espalhados nas nações por causa das diásporas e outros que serviam o exército de Israel que estavam mortos e ressuscitaram para guerrearem na Guerra de Gogue e Magogue, nesta profecia o rei Davi também ressuscita para ser o príncipe.

Será uma épica batalha entre o exército de Deus contra povos russos.

Ezequiel 37 e 38.

 

Ezequiel 37 o Vale de ossos secos

O Cavaleiro no cavalo branco

apocalipse-19

Antes de tudo deve-se entender e lembrar, o Cavaleiro de Apocalipse 19 não é o mesmo cavaleiro de Apocalipse 6 onde se trata dos sete selos e os quatro cavaleiros, o primeiro cavaleiro recebe um arco e uma coroa, a ele foi dado o poder de lutar, vencer e reinar, ele também não é o anti-cristo, porém, ele vai reinar até a chegada do anti-cristo.

Em Apocalipse 19 aparece o céu aberto e Jesus vindo como Rei dos reis e Senhor dos senhores em um cavalo celestial, Ele veste uma capa vermelha mostrando-se um Grande Herói, Ele vêm com vários seres celestes para a batalha contra o anti-cristo e o falso profeta em meio aos seus exércitos; há uma crença em que se diz que Jesus não voltou ainda porque Ele esta a conquistar as Diademas (Jóias Preciosas) de Sua coroa em outros lugares (mundos), e quando a Sua coroa estiver com todas as Diademas irá se cumprir este trecho Bíblico.

11 Vi o céu aberto, e eis um cavalo branco. O seu Cavaleiro se chama Fiel e Verdadeiro e julga e peleja com justiça.
12 Os seus olhos são chama de fogo; na sua cabeça, há muitos diademas; tem um nome escrito que ninguém conhece, senão ele mesmo.
13 Está vestido com um manto tinto de sangue, e o seu nome se chama o Verbo de Deus;
14 e seguiam-no os exércitos que há no céu, montando cavalos brancos, com vestiduras de linho finíssimo, branco e puro.
15 Sai da sua boca uma espada afiada, para com ela ferir as nações; e ele mesmo as regerá com cetro de ferro e, pessoalmente, pisa o lagar do vinho do furor da ira do Deus Todo-Poderoso.
16 Tem no seu manto e na sua coxa um nome inscrito: REI DOS REIS E SENHOR DOS SENHORES.
17 Então, vi um anjo posto em pé no sol, e clamou com grande voz, falando a todas as aves que voam pelo meio do céu: Vinde, reuni-vos para a grande ceia de Deus,
18 para que comais carnes de reis, carnes de comandantes, carnes de poderosos, carnes de cavalos e seus cavaleiros, carnes de todos, quer livres, quer escravos, tanto pequenos como grandes.
19 E vi a besta e os reis da terra, com os seus exércitos, congregados para pelejarem contra aquele que estava montado no cavalo e contra o seu exército.
20 Mas a besta foi aprisionada, e com ela o falso profeta que, com os sinais feitos diante dela, seduziu aqueles que receberam a marca da besta e eram os adoradores da sua imagem. Os dois foram lançados vivos dentro do lago de fogo que arde com enxofre.
21 Os restantes foram mortos com a espada que saía da boca daquele que estava montado no cavalo. E todas as aves se fartaram das suas carnes.
Enoque em seu Livro relatado na Carta de Judas diz:
14 Quanto a estes foi que também profetizou Enoque, o sétimo depois de Adão, dizendo: Eis que vem o Senhor entre suas *santas miríades,
*santas, santos = kadoshim da palavra kadosh

 

O Cavaleiro no cavalo branco

A estatua de Nabucodonosor

estatua de nabucodonosor

O Império Romano Restaurado pode ser também toda a Europa ou a atual Zona do Euro. Quando se fala de Império neste quadro se fala de absoluto poder  “Mundial”, neste caso os Estados Unidos perderia sua força.

Esta estatua pode ser a aparência de um deus ou o deus (deuses) destes povos (impérios); esta estatua pode ser diferente da estatua feita por Nabucodonosor descrita em Daniel 3.

A estatua de Nabucodonosor